Uma boa inovação começa com um bom insight sobre o futuro

Para Marina Gorbis, diretora do Institute for The Future, considerar diferentes possibilidades de futuros é fundamental para desenvolver produtos inovadores

em 01/04/2021

Em entrevista à Casa Firjan, Marina Gorbis, diretora executiva do Institute for The Future, fala sobre a importância de ter um pensamento futurista para não apenas saber lidar com as mudanças, mas também desenvolvê-las. Nesse processo, considerar diferentes possibilidades em cenários alternativos são etapas essenciais para investir em produtos e serviços inovadores.

A autora do livro “The Nature of the Future: Dispatches from the Socialstructed World” conta que existem tipos de ferramentas para pensar como um futurista, e uma delas é analisar padrões que se repetem. Para ela, ter pessoas treinadas para aplicar essas técnicas nas empresas ajuda a antecipar situações e aproveitar oportunidades. 

Maria Gorbis participou do Summit Firjan IEL + Festival Futuros Possíveis. Inscreva-se gratuitamente para assistir a todos os painéis e palestras do evento

Assista também
Aquário Casa Firjan: Estudos do Futuro como ferramenta empresarial
Leia
Artigo: Os estudos de futuro no ambiente empresarial
Baixe
Dossiê Sinais de Mudança 2020

Tópicos:
  • Futuro
  • Inovação
  • Estudos de Futuro
Em destaque
Pílulas de Conteúdo - Lab de Tendências Gamificação: uma estratégia de engajamento nas empresas

Adoção de jogos digitais auxilia o aprendizado dos colaboradores nas empresas

em 10/06/2021

Pílulas de Conteúdo - Lab de Tendências Inovação frugal: como fazer mais com menos recursos

Reutilizar recursos para atender às necessidades dos consumidores é estratégico para as empresas

em 03/06/2021

Pílulas de Conteúdo - Lab de Tendências Tecnologia e trabalho: quais futuros queremos?

É preciso orientar e coordenar os impactos tecnológicos no futuro do trabalho

em 27/05/2021